Blog IBEL

IBEL BH - Clínica de Estética e de Dermatologia em BH | Cuidados com a pele negra.

Cuidados com a Pele Negra

Naturalmente, quem possui pele negra ganhou uma ajudinha da genética, já que esse tipo de cútis apresenta um alto nível de melanina e colágeno, deixando-a mais resistente ao sol e ao envelhecimento.

Porém, ainda assim essa pele merece atenção especial para que não sofra com problemas como manchas no rosto, melasma, excesso de oleosidade e foliculite.

Principais benefícios da pele negra:

A pele negra possui um nível alto de melanina, o que promove uma proteção natural ao sol. Possui mais colágeno que as outras cútis, deixando-a mais elástica e resistente aos efeitos do tempo, como rugas e linhas de expressão. E, por ser mais espessa e firme, demora mais a ficar flácida e, dificilmente, apresenta celulite.

Entenda porque a pele negra merece uma atenção especial:

Cuidados com a Pele Negra – Devido a hiperpigmentação, há mais propensão a manchas de pele, como o melasma. A abundância de melanina pode acelerar o surgimento de manchas, pois durante a cicatrização a pigmentação é ativada.

Processos inflamatórios ou que cause irritação pode gerar o escurecimento da pele, como exemplo as marcas causadas pela acne.

A pele negra pode apresentar todos os tipos: normal, mista, seca e oleosa. No entanto, a oleosa é a mais comum, já que a secreção das glândulas sudoríparas é maior nesse tipo de pele, e por consequência, favorece o surgimento de acne e foliculite.

Cuidados diários e procedimentos estéticos que podem ser realizados na pele negra:
Para evitar as manchas, o paciente deve buscar tratamento preventivo.

Apesar de ser mais resistente ao sol, é recomendado o uso do filtro solar diariamente, inclusive em dias nublados ou em ambientes fechados. Pode ser indicado um sabonete específico para o tipo de pele e o filtro solar com no mínimo FPS 15. Além do protetor solar, é recomendado produtos compostos por vitamina C, kojico, ácido fítico e alfa-hidroxiácidos para a prevenção de manchinhas.

Para peles que já desenvolveram manchas ou que sofrem de melasma, é indicado o laser Spectra (link: https://ibelbh.com.br/tratamentos-laser-estetica-e-cosmiatria). Com ele, não existe nenhuma chance de lesar a pele negra, causando pigmentação e chances de piorar as manchas que possam já existir na ocasião do tratamento.

Geralmente são indicadas 10 sessões para o tratamento de melasma que são realizadas semanalmente. O resultado é bastante satisfatório com grandes melhorias na qualidade da pele.

É necessário manter o tratamento tendo em vista que o melasma é produzido pelo próprio organismo através de estímulos externos.

Para os pacientes que já possuem espinhas, é importante realizar de 6 em 6 meses uma Limpeza de Pele profunda para o tratamento da oleosidade da pele. Outra opção é o Peeling de Diamante com máscara de hidratação especifico para pele oleosa, pois peles oleosas geralmente demandam muita hidratação. Substâncias clareadoras e antiacne também podem ser aliadas ao tratamento.

Portanto, embora a pele negra desfrute de vários benefícios, é necessário manter alguns cuidados diários especiais para a manutenção de uma pele saudável e lisinha.

Agende uma consulta com um de nossos profissionais e saiba mais quais tratamentos são indicados para pele negra.

IBEL BH - Clínica de Estética e de Dermatologia em BH | Tipos de Mamilos? Saiba a diferença entre eles.

Tipos de Mamilos? Saiba a diferença entre eles

Tipos de mamilos; isso existe? Sim! Segundo profissionais, o assunto deveria ser mais discutido entre mulheres para que elas não se sintam inseguras sobre o próprio corpo.

Assuntos que envolvem o corpo feminino como mamilos, menstruação, vagina, entre outros, são assuntos polêmicos. Portanto, não são debatidos quanto deveriam e muitas mulheres não tem conhecimento sobre si mesma, gerando desconforto e insegurança.

Você sabia que existem tipos de mamilos diferentes? Segundo especialistas, eles podem ser classificados em três categorias. Antes de mencioná-las, é importante dizer que ter mamilos diferentes dos que são mostrados, não significa que há algo errado ou que você tenha algum problema de saúde. Na maioria das vezes trata-se apenas de uma questão estética.

Na maior parte dos casos, existem três classificações estéticas para os mamilos:

• Mamilos protusos ou “normais”: São aqueles que o bico se projeta à frente da aréola, são grandes e marcam na roupa. Ficam rígidos facilmente quando estimulados pelo prazer ou até mesmo em temperaturas baixas;
• Mamilos planos ou rasos: Não possuem o bico proeminente, projetado para frente, isto é, a aréola e o bico ficam na mesma linha, mas quando são estimulados apresentam projeção da mesma maneira que o mamilo protuoso;
• Mamilos invertidos: são aqueles em que o bico está para dentro da aréola, como se fossem “covinhas”.

IBEL BH - Clínica de Estética e de Dermatologia em BH | Tipos de Mamilos? Saiba a diferença entre eles.
IBEL BH – Clínica de Estética e de Dermatologia em BH | Tipos de Mamilos? Saiba a diferença entre eles.

Ao falar sobre esse assunto, algumas perguntas são comuns no consultório e selecionamos duas para ajudar a esclarecer.

1 – Os diferentes tipos de mamilos podem influenciar na vida sexual?

Não. Apesar de existirem tipos de mamilos diferentes, eles não influenciam na vida sexual ou no prazer que a mulher sente. Os seios, no geral, são vistos como símbolo da sexualidade da mulher, independente do tamanho ou formato, e despertam desejo, libido e feminilidade.

Ainda assim, ter um tipo que foge do padrão “normal” pode causar insegurança na hora de se relacionar com alguém. É necessário saber que variações na anatomia não causam prejuízos a sexualidade e que fatores como diferenças de tamanho, cor ou formato, são mais comuns do que muitas mulheres pensam.

Quando a paciente se sente incomodada com essas diferenças estéticas, os mamilos e as aréolas podem ser modificados com cirurgia plástica.

2 – Os diferentes tipos de mamilos podem atrapalhar a amamentação?|

Infelizmente sim. Diferente do que acontece com a vida sexual, os tipos de mamilos podem fazer com que as mães achem difícil encontrar a pega ideal com os bebês na hora da amamentação.

Os formatos de mamilos considerados “normais” não costumam ter muita dificuldade para amamentar, mas aquelas com mamilos planos ou invertidos pode encontrar dificuldade.

Especialmente em casos de mamilos investidos, pode haver obstrução nos ductos mamários, o que impede a passagem do leite e impossibilita a amamentação.

Algumas vezes esses problemas podem, ser resolvidos com a estimulação adequada ou uso de dispositivos modeladores de silicone, também chamados de protetores, que ajudam a manter os mamilos proeminentes. Porém, é necessário buscar acompanhamento com um especialista.

Normalmente esse é um assunto pouco falado e abrir discussões sobre os tipos de mamilos pode fazer com que o tema chegue ao conhecimento de mais mulheres e possa ajuda-las a se conhecer melhor, melhorando a autoestima.

Conversar com um especialista seja um mastologista, ginecologista ou cirurgião plástico, pode ser uma boa opção, tanto para conhecer o próprio corpo, quanto para evitar doenças sérias. Os exames de rotina, devem ser feitos anualmente para saber se não há nenhum problema com a saúde da mulher.

IBEL BH - Clínica de Estética e de Dermatologia em BH | O que é Sculptra? Já ouviu falar de sculptra? Como funciona o Sculptra?

O que é Sculptra?

Já ouviu falar de sculptra?

Se o assunto for rejuvenescimento, sustentação da pele e tratamento de flacidez, provavelmente você já ouviu falar em Sculptra. Se não, esse texto é para te apresentar um tratamento estético eficiente e muito procurado nas clínicas de estética.

O Sculptra utiliza de um produto inserido sob a pele para produzir colágeno. A principal função do ativo desse método, o ácido poli-L-lático, é tratar flacidez e rugas na pele, trazendo resultados evidentes logo nas primeiras sessões da aplicação do produto.

Como funciona o Sculptra?

É um procedimento minimamente invasivo com duração em média de 45 minutos a sessão. Utiliza-se anestésico na composição do produto para evitar qualquer desconforto.

O ácido vai atuar de dentro para fora, de modo a trazer suavidade aos sinais de envelhecimento e também mais rigidez para a flacidez, tudo com uma aparência bem natural, ao contrário de outros tratamentos estéticos.

Em média, os resultados aparecem logo a partir da segunda ou terceira sessão e podem duram até 24 meses, mantendo ainda assim bons resultados por ainda mais tempo. Porém, é importante entender que o processo de envelhecimento é contínuo, e para todo tratamento é necessário fazer manutenção ou combinar com outros procedimentos para potencializar e durabilizar os resultados.

O procedimento não causa nenhum tipo de reação alérgica por utilizar um ativo biocompatível com a nossa pele, sendo um procedimento muito seguro e natural, sem riscos de reações ou granulomas.

Onde pode ser aplicado?

• Rosto (a pele ganha mais firmaza e isso atenua linhas de expressão e marcas indesejadas trazidas pela idade. Pode ser aplicado também para definir o contorno do rosto, devolvendo a jovialidade)
• Mãos;
• Colo;
• Braços (Reduz a flacidez nos braços, dando um fim naquele famoso “tchauzinho”)
• Abdômen;
• Coxas;
• Glúteos (Ajuda a aumentar o volume dos glúteos, corrigindo desníveis como celulites e outras diferenças entre ambos).

Agende um horário com nossos profissionais e saiba a melhor indicação para você!

IBEL BH - Clínica de Estética e de Dermatologia em BH | Combatendo as estrias

Combatendo as Estrias

O que são estrias:

Estrias são cicatrizes que ocorre devido o rompimento de fibras elásticas após uma grande distensão da pele, como por exemplo, após aumento de peso, crescimento, início da puberdade nas mulheres, fase que o corpo adquire as formas curvilíneas e durante a gestação.

Porque aparecem:

Existem pessoas que são predispostas geneticamente ao aparecimento das estrias. Elas aparecem na pele como lesões avermelhadas (estrias mais recentes) ou esbranquiçadas (estrias mais antigas).

Apesar de acometer mais as mulheres, é uma queixa comum também entre os homens no consultório e aparecem mais frequentemente nas regiões das mamas, coxas, nádegas, quadril e costas.

Como prevenir as estrias:

A melhor forma de preveni-las é fazer hidratação intensa da pele com o uso de cremes e óleos a base de ureia, lactato de amônia e óleos vegetais, que ajudam na manutenção da integridade e hidratação da pele, tornando-a menos frágil.

Mulheres em época de gestação merecem cuidado redobrado. Deve-se evitar o efeito sanfona no corpo com o ganho de peso de forma rápida! É fundamental para a pele não sofrer os danos de distensão e rompimento das fibras elásticas.

Como tratar as estrias:

O tratamento é indicado pelo médico após avaliação das estrias. Pode ser indicado um ou mais tratamentos para potencializar os resultados.

Uma ótima opção é o poderoso laser fracionado CO2 que estimula a produção e reorganização do colágeno nas camadas mais profundas da pele, que contribui para superficializar as estrias e torna-las menos visíveis.

É indicado também o MMP (Microinfusão de medicamento na pele) como um ótimo aliado ao tratamento. Consiste na infusão de medicamentos e ativos na pele através de um dispositivo injetável, que leva esses ativos diretamente às camadas da pele a serem tratadas, potencializando o resultado do tratamento.

Outra opção é o Microagulhamento. As suas microagulhas perfuram as camadas mais superficiais da pele, favorecendo novas fibras de colágeno e elastina no local, eliminando gradualmente as estrias em cada sessão. O número de sessões varia de acordo com a avaliação médica e a resposta da pele do paciente.

Agende uma consulta e saiba mais sobre os tratamentos indicados para você!